Desembargador concede recurso ilegal e inexistente em processo jurídico.

Campo Grande MS, 04 de novembro de 2014.

Iniciando nossos trabalhos com o Blog da Injustiça apresentamos hoje o caso da família Mosciaro onde o herdeiro legal senhor Carlos Mosciaro denuncia e mostra como o Poder Judiciário de Mato Grosso do Sul têm colaborado com uma grande injustiça no processo que está julgando a adjudicação de sua maior herança e propriedade, a Fazenda Tereré em Porto Murtinho, atualmente invadida por um empresário oportunista aqui de MS que aproveitando-se da demora judicial e das dificuldades financeiras da família, comprou por preço de banana a parte dos irmãos do senhor Carlos mas não a dele e fica neste entrave judicial eterno impedindo-o de receber o que é seu por direito.

O Juiz responsável pela vara de sucessões deu parecer favorável ao herdeiro senhor Carlos, negando o pedido do oportunista para ficar com as terras, porém o empresário recorreu em uma instância maior, o Tribunal de Justiça, onde o Desembargador relator do processo agiu de forma errada concedendo  “Emenda em Agravo “ que é um procedimento que não existe e nunca houve pois é ilegal e inconstitucional.

Diante dessa situação herdeiro desabafa e denuncia o que a seu ver parece ser alguma influencia que a outra parte tem com o Tribunal de Justiça de MS.

Ajude!!!Assista ao vídeo e compartilhe para que se torne público e chegue até o Supremo Tribunal Federal STF.

Anúncios
Vídeo | Esta entrada foi publicada em Denuncia com as etiquetas , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s